* Vi, li e me emocionei...Repasso...

Vi no blog da querida Valéria do Dolce Algodão





Eu tenho pena da Lua!
Tanta pena, coitadinha,
Quando tão branca, na rua
A vejo chorar sozinha!…
As rosas nas alamedas,
E os lilases cor da neve
Confidenciam de leve
E lembram arfar de sedas
Só a triste, coitadinha…
Tão triste na minha rua
Lá anda a chorar sozinha …
Eu chego então à janela:
E fico a olhar para a lua…
E fico a chorar com ela! …

Florbela Espanca

5 comentários:

  1. Ah, Chica.
    É muito lindo mesmo...
    sensível, tocante.

    Acho que vou lá fora chorar um bocadinho com a lua.
    Rsrs...

    Beijos, querida.

    ResponderExcluir
  2. Olá Chica, muito bom gosto, eu adoro Florbela Espanca nunca me canso de a ler. Também gosto muito de vir até aqui, visitar o seu cantinho.
    Bj

    ResponderExcluir
  3. Oh minha florzinha..que meigo seu cantinho...mais um pouquinho desta pessoa linda que é você...vou seguir este seu blog, com um novo que eu criei ontem...(encantoempalavras.blogspot.com) e já te aviso não está minha foto...é um flor de lótus.
    Também mexeu muito comigo este poema...
    Beijinhos
    Valéria

    ResponderExcluir
  4. Pronto..essa florzinha rosa sou eu a te seguir... ValeriaC com meu novo blog.
    Beijos...

    ResponderExcluir
  5. Realmente uma linda e triste poesia!Adorei!Bjs,

    ResponderExcluir

☆ Fico feliz de te ver aqui falando comigo! ☆